You can skip this in seconds

Click here to continue

GIMP 2.8.0

Revisão do editor GIMP

Crie e edite imagens e fotos digitais com esta ferramenta de edição de imagens de código aberto de nível internacional.

Com o uso intensivo de imagens no mundo atual, é imprescindível termos um bom editor com recursos completos.  Muitos dos melhores pacotes fornecem os recursos desejados por todos mas, infelizmente, têm um preço correspondente.  Esse é um dos motivos pelos quais eu gosto do GIMP. É um editor de imagens completo para várias plataformas e é realmente incrível.

O GIMP é a ferramenta de edição de imagens de vários usuários, principalmente devido às suas muitas ferramentas de edição.  As ferramentas de edição mais comuns incluem pincel, lápis, aerógrafo, borracha e tinta. Você pode usá-las para criar pixels novos ou mesclados. Ferramentas como lata de tinta são usadas para alterar grandes partes de espaço em uma imagem e podem ser ajudadas para mesclar imagens. 

O GIMP também oferece várias ferramentas inteligentes.  Essas ferramentas usam um algoritmo mais complexo para permitir que um usuário realize tarefas demoradas ou difíceis, incluindo a ferramenta carimbo, que copia pixels usando pincel e o pincel de recuperação, que copia pixels de uma área e corrige o tom e a cor de acordo com a área onde é usada. A ferramenta carimbo de perspectiva funciona de maneira similar ao carimbo, mas também permite que um usuário altere e corrija modificações de distância. A ferramenta desfocar e tornar nítido é um pincel que desfoca e torna nítidas seções de uma imagem e a ferramenta superexposição e subexposição é um pincel que torna os pixels onde é usado mais claros (subexposição) ou mais escuros (superexposição).

Uma imagem editada no GIMP pode consistir de diversas camadas. Cada camada de uma imagem é constituída por diversos canais. Em uma imagem RGB existem normalmente três ou quatro canais: vermelho, verde e azul. As subcamadas de cor parecem com imagens cinza ligeiramente diferentes, mas quando vistas em conjunto formam uma imagem completa. O quarto canal que pode existir em uma camada é o canal alfa (ou máscara de camada). Esse canal mede a opacidade, onde toda a imagem ou parte dela pode ser completamente visível, parcialmente visível ou invisível.

O GIMP oferece diversas maneiras de seleção de cores, incluindo paletas e o uso da ferramenta conta-gotas para selecionar uma cor na tela de pintura. Os seletores de cores integrados incluem seletores ou escalas RGB/HSV, seletor de aquarela, seletor CMYK e um seletor de círculo de cores. Também é possível selecionar cores no GIM usando códigos de cor hexadecimais, como os usados na seleção de cores no HTML, e há suporte nativo para cores indexadas espaços de cores RGB. Outros espaços de cores são suportados usando decomposição, onde cada canal do novo espaço de cor torna-se uma imagem em branco e preto. CMYK, LAB e HSV (matiz, saturação, valor) são suportados dessa forma. O GIMP mescla cores usando a ferramenta de mesclagem. O gradiente é aplicado à superfície de uma imagem usando os modos de cor do GIMP. Os gradientes também podem ser integrados em ferramentas como a ferramenta pincel.  Quando o usuário pinta desse modo, a cor de saída é alterada lentamente. 

Prós: Edição de imagens gratuita e avançada.

Contras: Os recursos avançados exigem conhecimento de artes gráficas e técnicas avançadas de edição para serem integralmente aproveitados.

Conclusão: O GIMP é uma ferramenta de edição de imagens avançada comparável ao Photoshop e outras ferramentas de edição gráficas caras e entre as melhores da categoria. A sua melhor característica é ser poderoso e gratuito.  Você precisa compreender imagens em várias camadas, máscaras e canais de cor para aproveitar a ferramenta integralmente.

Procurar itens similares por categoria

Comentário

Downloads populares